Jair Ventura é o principal alvo do Santos para 2018. Eleito novo presidente do clube no último sábado, José Carlos Peres pretende fazer um contato com o Botafogo nos próximos dias. A baixa multa do treinador com o time carioca, cerca de R$ 800 mil, faz os santistas se animarem com o negócio.

Além do valor ‘acessível’, o Peixe tem como ‘trunfo’ o fato de estar garantido na fase de grupos da Liberta da próxima temporada. Sabendo do interesse, Jair se mostrou lisonjeado, mas afirmou para a Gazeta Esportiva que ainda não foi contatado pela diretoria do alvinegro. O técnico está fazendo um curso da CBF em Teresópolis até o próximo domingo.

Antes querido pela torcida do Fogão, Ventura passou a ser muito cobrado por não classificar a equipe para a Libertadores. Apesar da pressão dos torcedores, o técnico segue prestigiado pela diretoria botafoguense, que pretende contar com ele na próxima temporada. Ele tem contrato com o time carioca até dezembro de 2018.

Zé Ricardo e Abel Braga também estão na mira da nova cúpula santista. Os treinadores, porém, já declararam que pretendem permanecer em Vasco e Fluminense, respectivamente. Caso o negócio com Jair não dê certo, a chegada de um técnico estrangeiro não está descartada. Ariel Holan, do Independiente-ARG, foi oferecido.

“O novo técnico precisa ter o perfil do Santos, que dê alegria e prazer de ver o time jogar. Alguém que tenha relação boa com equipes de base… A gente vai anunciar um pouco mais para frente, mas tem que ser rápido”, disse o novo presidente logo após ser eleito.

Na tarde desta terça-feira, Peres irá se reunir com o atual mandatário Modesto Roma Júnior para iniciar o processo de transição. No encontro, o nome do novo diretor de futebol deve ser definido e logo depois a diretoria irá atrás do treinador. Oficialmente, presidente eleito só assume no dia 2 de janeiro.

Fonte: Terra