Na estreia do técnico Alberto Valentim, o Botafogo derrotou o Nova Iguaçu por 2 a 1, em partida disputada na noite desta quinta-feira, no estádio Giulite Coutinho, pela primeira rodada do segundo turno do Campeonato Carioca. O resultado fez a equipe de General Severiano assumir a quarta colocação do Grupo C com três pontos ganhos, enquanto o Nova Iguaçu é o quarto do Grupo B, sem qualquer ponto ganho.

Apesar de não ter mostrado um grande futebol, o time de General Severiano mereceu o resultado por ter sido sempre superior ao adversário. O Botafogo abriu vantagem com gols de Kieza e Leonardo Valencia, mas Dieguinho descontou para a equipe da Baixada Fluminense.

Na próxima rodada da Taça Rio, o Botafogo vai receber a Cabofriense, no Nilton Santos. O Nova Iguaçu vai encarar o Boavista, em Bacaxá.

O jogo – Os dois times começaram a partida de forma parecida. Muitos erros de passes e poucas jogadas de profundidade. Só aos 15 minutos é que a torcida teve a chance de vibrar pela primeira vez. Pimpão saiu da ponta para o meio e bateu cruzado. A bola desviou na zaga e foi levantada por Marcinho para cabeçada de Pimpão que foi defendida pelo goleiro Jefferson.

Aos 17 minutos, o Botafogo marcou o primeiro gol. Ezequiel foi lançado por Marcinho pela direita, evitou a marcação de Lucas e cruzou para Kieza escorar para as redes. Depois do gol, Lucas reclamou bastante de uma falta que teria sido cometida por Ezequiel no lance do gol e acabou advertido com o cartão amarelo.

Em desvantagem, a equipe da Baixada Fluminense, que contava com o veterano Andrezinho, tentou modificar sua forma de jogar para se aproximar com mais eficiência da área alvinegra. O Botafogo buscava segurar a bola e o estreante lateral Moisés era muito acionado.

Aos 25 minutos, Marcinho investiu pela direita e tentou achar Kieza na área, mas o goleiro Jefferson se antecipou ao atacante e ficou com a bola.

Com o domínio absoluto da partida, o time dirigido por Alberto Valetim chegou ao segundo gol, aos 27 minutos. Leonardo Valencia cobrou falta com perfeição e colocou no ângulo esquerdo de Jefferson. Foi o primeiro gol marcado pelo chileno com a camisa alvinegra. Aos 37 minutos, Rodrigo Lindoso fez bom lançamento e Rodrigo Pimpão emendou, de primeira, mas a bola saiu.

O Nova Iguaçu só criou o primeiro problema para a defesa botafoguense aos 38 numa bomba de Iuri que Gatito Fernandez defendeu com a categoria habitual.Logo no início do segundo tempo, o Botafogo assustou a defesa do Nova Iguaçu em chute de Kieza que passou perto do gol defendido por Jefferson. O Noba Iguaçu voltou modificado, mas o time de General Severiano é que seguia dando as cartas.

Após a parada técnica, Alberto Valentim colocou Arnaldo no lugar de Marcinho, um dos destaques do primeiro tempo. E na sua primeira intervenção, aos 24 minutos, Arnaldo falhou de forma grotesca, ao tentar recuar para Igor Rabello e Dieguinho se aproveitou para invadir a área e tocar na saída de Gatito Fernández. O Botafogo acordou e tentou dar a resposta com uma cabeçada perigosa de Luiz Fernando após cruzamento de Pimpão. Na jogada seguinte, foi a vez de Pimpão mandar a bomba para outra grande defesa de Jefferson.Depois do chute, Rodrigo Pimpão pediu para sair e Valentim colocou o volante Dudu Cearense em seu lugar, provocando protestos da torcida.

O Nova Iguaçu ainda tentou reunir suas forças para buscar o gol do empate, mas foi o Botafogo que criou boas oportunidades para ampliar em cabeçada de Dudu Cearense e chute forte de Luiz Fernando.

FICHA TÉCNICA

NOVA IGUAÇU 1 X 2 BOTAFOGO

Local: Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ)

Data: 22 de fevereiro de 2018 (quinta-feira)

Horário: 19h30 (de Brasília)

Público: 1159 pagantes

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

Assistentes: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Andréa Marcelino de Sá (RJ)

Cartões amarelos: Lucas, Wescley (NI); Dudu Cearense (Bota)

Gols:

NOVA IGUAÇU: Dieguinho, os 24 minutos do segundo tempo

BOTAFOGO: Kieza, aos 17 e Leonardo Valencia aos 27 minutos do primeiro tempo

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Wallace, Raphael Neuhaus, Murilo Henrique e Lucas(Robinho); Iuri, Paulo Henrique, Wescley e Andrezinho(Caio Cezar); Jonathan(Dieguinho) e Adriano.

Técnico: Edson Souza.

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Marcinho (Arnaldo), Marcelo, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, João Paulo, Ezequiel(Luiz Fernando)e Leonardo Valencia; Rodrigo Pimpão (Dudu Cearense) e Kieza.

Técnico: Alberto Valentim.

Fonte: Gazeta Esportiva