O Botafogo vacilou e foi superado pelo Paysandu dentro do estádio Nilton Santos (Engenhão) na manhã deste domingo, em jogo válido pela abertura do returno da Série B do Brasileirão. Apesar do volume de jogo e das chances criadas o Papão foi mais eficiente e deixou o Rio de Janeiro com um 3 a 2 importante para a sequência da competição. O atacante Neilton, do Alvinegro, lamentou o resultado.

“Infelizmente hoje a bola não estava querendo entrar. A gente teve várias oportunidades de gols e a gente não soube aproveitar. Eles chegaram lá na frente e em três finalizações, três gols. Hoje não era o dia. Agora vamos levantar a cabeça e continuar trabalhando porque sexta-feira tem mais”, disse o camisa 7.

Sacado no segundo tempo, Neilton recebeu o apoio da torcida quando deixou o campo. Parte das arquibancadas do Nilton Santos fizeram o coro de “burro” para o técnico Ricardo Gomes. No banco de reservas, o atacante viu seu substituto, Sassá, marcar um gol para o Botafogo.

“Tava bem no jogo, estava confiante, isso que é o importante. Estava me sentido bem na partida. Ele me tirou por opção tática dele, eu respeito totalmente. Só que achei que estava bem no jogo, então fico feliz pela admiração da torcida e pelo reconhecimento do meu trabalho”, analisou.

Com a vitória, o Paysandu chegou aos 33 pontos, ocupando o 6º lugar na tabela de classificação da Série B. O Botafogo é o vice-líder, com 36.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrentará o CRB, sexta-feira, 21h, no estádio Rei Pelé, em Alagoas. Já o Paysandu recebe o Bragantino, no sábado, às 16h30, no Mangueirão.

Fonte: O Dia Online