Neilton voltou e decretou a vitória do Botafogo (FOTO: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)Neilton voltou e decretou a vitória do Botafogo (FOTO: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Um pênalti no finalzinho garantiu mais uma vitória do Botafogo no Campeonato Carioca. Mesmo com outra atuação atuação abaixo da crítica e um meio-de-campo de pouquíssima inspiração, com três volantes, o Glorioso derrotou a Cabofriense por 2 a 1, neste domingo, em São Januário, e manteve os 100% de aproveitamento. O Fogão segue líder do Grupo B, com 15 pontos.

Luis Henrique abriu o placar, mas Charles Chad empatou ainda no primeiro tempo. Aos 45 minutos da etapa final, o jogador da Cabofriense meteu o braço na bola e o árbitro marcou pênalti. Neilton cobrou com categoria e garantiu a vitória do Fogão. Agora, o Glorioso terá dois clássicos pela frente: Fluminense, quarta-feira, às 21h45, em Cariacica; e Vasco, domingo que vem, em São Januário.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 1 CABOFRIENSE

Estádio: São Januário
Árbitro: Daniel de Sousa Macedo
Público e renda: 2.398 pagantes / 2.772 presentes / R$ 35.475,00
Cartão amarelo: Charles Chad (Cabofriense)
Cartão vermelho: –
Gols: Luis Henrique (Botafogo, aos 20′ do 1ºT), Charles Chad (Cabofriense, aos 25′ do 1ºT) e Neilton (Botafogo, aos 45′ do 2ºT)

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca (Joel Carli, aos 28′ do 2ºT), Emerson e Diogo Barbosa; Airton, Rodrigo Lindoso, Bruno Silva e Gegê (Neilton, aos 21′ do 2ºT); Gervasio Núñez (Ribamar, no intervalo) e Luis Henrique; Técnico: Ricardo Gomes.

CABOFRIENSE: Andrey; Júlio Lopes, Juliano, Rafael Sales e Leandro; Gilson, Pedro Henrique, Carlinhos (Cubango, aos 38′ do 2ºT) e Keninha (Bruno, aos 30′ do 2ºT); Marquinhos do Sul (Gama, aos 12′ do 2ºT) e Charles Chad; Técnico: Eduardo Hungaro.

Fonte: Redação FogãoNET