Gatito Fernández ainda não está perto do retorno ao Botafogo. O preparador de goleiros Flavio Tenius revelou à Rádio Brasil que o goleiro sentiu dores no punho direito nos treinos e o processo regrediu.

– Gatito teve duas oportunidades já quase para voltar, e na semana de treinamento ele realmente voltou a sentir dores no punho e deu uma regredida. Ele foi liberado duas vezes pelo DM, treinou de quarta a sábado muito bem, mas no domingo, segunda, teve uma queixa de dor e tivemos que voltar um passo, porque com dor ele não tem como treinar normalmente – explicou.

Segundo a rádio, o jogador terá que passar novamente pela fisioterapia antes de retornar. Foi debatido até se Gatito ainda tem chances de atuar em 2018, já que restam apenas 11 jogos para o Botafogo no Campeonato Brasileiro.

Flavio Tenius falou também sobre o retorno de Jefferson e as atuações de Saulo e Diego.

 

Fonte: Redação FogãoNET e Rádio Brasil