O Botafogo sofreu, mas conquistou a vaga para a final do Campeonato Carioca ao derrotar o Fluminense nos pênaltis. O presidente Carlos Eduardo Pereira afirmou que os alvinegros já comemoram o feito e estão concentrados somente na decisão do Estadual, contra o Vasco. O mandatário prevê dois clássicos equilibrados e citou o duelo pela Taça Guanabara.

“Já estamos focados nas partidas decisivas contra o Vasco. A comemoração já aconteceu no sábado, mas nada está definido. É um dos clássicos mais tradicionais do nosso futebol. Será um confronto aberto, vide o resultado da partida da Taça Guanabara”, disse.

Pereira foi cauteloso ao falar sobre a possibilidade do Botafogo tentar disputar o segundo jogo no estádio Nilton Santos. O presidente afirmou que o diálogo vai prevalecer e que o clube vai acatar o que for decidido.

“O que há agora com o Vasco é uma outra coisa. Tem diálogo. Podemos sentar e conversar com a Federação e o Vasco o melhor para o campeonato. Se decidirem que o Maracanã é melhor vamos acatar. Tudo que será decidido será um consenso”, declarou.

O mandatário criticou o presidente tricolor, Peter Siemsen, pelas declarações antes do clássico pela semifinal. O rival insinuou que os alvinegros estavam de acordo com a Federação por conta da situação financeira. Após a classificação, Pereira falou que o Botafogo havia eliminado um time de Série C.

“O que falei foi um desabafo ao presidente do Fluminense, que falou algumas besteiras antes da partida. Agora, falei certas coisas sobre a história deles, que não podem ser apagadas”, comentou.

O elenco do Botafogo ganhou dois dias de folga após a classificação e vai se reapresentar nesta terça-feira. O técnico René Simões terá a semana livre para trabalhar visando a primeira partida da final, no domingo, contra o Vasco.

Fonte: ESPN.com.br