Rodrigo Souza começou a pré-temporada sem perspectivas de retornar ao Cruzeiro. Todavia, foi chamado às pressas por Marcelo Oliveira para integrar o elenco. Um mês após o início das atividades, o jogador tem a possibilidade de deixar a Toca da Raposa II. Botafogo e ABC-RN procuraram o bicampeão brasileiro, mas o volante não aceitou jogar a Série B do Campeonato Brasileiro.

O supervisor de futebol Benecy Queiroz confirmou, na tarde desta sexta-feira, que o volante foi liberado para negociar com ambas as equipes. Entretanto, ele e seu staff rechaçaram as propostas apresentadas. O meio-campista optou por permanecer na equipe que faturou as duas últimas edições do Brasileirão.

Após reunião entre membros da diretoria e o técnico Marcelo Oliveira, ficaram definidos alguns nomes que serão liberados para negociar com outras agremiações. O único informado à imprensa é o de Rodrigo Souza.

Cúpula e treinador ensaiaram o discurso e evitaram informar quais são os atletas que serão emprestados ou negociados, sob o pretexto de não quererem desvalorizar os ‘ativos’ do clube mineiro.

“Houve uma reunião, mas ela foi mais curta que deveria ser, porque ele estava muito envolvido com a questão do Arrascaeta e ficou tentando regularizá-lo. Internamente, estamos conduzindo isso, sem prejuízo para ninguém. Na hora certa, vamos divulgar possíveis pequenas mudanças”, afirmou o comandante.

O Cruzeiro tem atualmente 36 jogadores em seu elenco, incluindo o volante Willians e o zagueiro Paulo André, contratados nesta semana. A diretoria informou que pretende trabalhar com 30 atletas, quantidade que pode ser inscrita na disputa da Taça Libertadores da América.

Fonte: UOL