Fonte: Twitter do Léo Careca, repórter da Rádio Grande Rio