Depois do próprio Botafogo anunciar a saída e agradecer no site oficial a dedicação de Neílton na conquista da Série B e o acesso à primeira divisão, o clube e a diretoria do Cruzeiro chegaram a um consenso. O gerente de futebol Antônio Lopes chegou a um acordo com o gerente do Cruzeiro Benecy Queiroz. O pagamento do salário será invertido. Os cariocas pagam 75% e os mineiro 25% por um empréstimo até o fim do ano. Falta o acerto com o empresário do atleta, Hamilton Bernard, que pede luvas para fechar a negociação, algo fora do padrão da diretoria. Existe otimismo do acordo sair ainda.

 

Fonte: Super Rádio Tupi