Salários são entrave para Botafogo ter dupla do Cruzeiro; Neilton está mais perto

Compartilhe:

A transferência dos atacantes Riascos e Neilton ao Botafogo ainda depende de acerto salarial entre os clubes. Os dois jogadores do Cruzeiro negociam com o clube do Rio de Janeiro, mas o entrave está na composição pedida pelos cariocas.

O teto salarial do Botafogo, de R$ 50 mil, está abaixo dos vencimentos dos atletas do Cruzeiro. A expectativa do supervisor celeste Benecy Queiroz é de que o caso de Neilton seja mais simples de resolver que o do atacante colombiano.

“A negociação segue e estamos esperando uma resposta do Botafogo. Os dois negociam, mas a saída do Neilton é mais fácil que a do Riascos”, disse ao Superesportes.

O diretor de futebol do Botafogo, Antônio Lopes, diz que não tem resposta do presidente do clube sobre os entendimentos para a situação. “Ainda estamos sem novidade. Vamos ver se evolui ou não”, afirmou à reportagem.

Outro que está de saída é o volante Felipe Seymour. O jogador está na mira do Avaí e também negocia questão contratual com os catarinenses.



Fonte: Superesportes
Comentários