O Botafogo espera econimizar cerca de R$ 300 mil por mês com as negociações de Airton, Dankler e Henrique. Os três recebem acima do teto salarial estipulado pela diretoria de R$ 60 mil e estão treinando em separado, à espera de propostas.

Airton está emprestado ao Benfica até junho próximo, enquanto Dankler tem contrato até dezembro de 2015 e Henrique até dezembro de 2016. A intenção da diretoria alvinegra é aproveitar esse dinheiro para contratar novos reforços para a Série B.

– Tudo isso está dentro da proposta de não atrasar salários, e para isso é preciso ter responsabilidade, como não ter um número grande de jogadores no elenco com o salário alto. Eles seguirão treinando no Botafogo até que consigam outro clube. Tecnicamente e por conta do comportamento eu não tenho justificativa para tirá-los, mas é preciso saber que existe uma linha a ser seguida em relação a salários. Apenas duas exceções foram abertas, e os outros têm que se enquadrar. É bom saber que essa linha está sendo mantida – explicou o técnico René Simões ao Globoesporte.com.

Apenas Jefferson e Marcelo Mattos recebem acima do teto salarial.

Fonte: Globoesporte.com