Com atuação sofrível, sem dar um chute a gol, o Botafogo foi derrotado por 1 a 0 pelo Volta Redonda, neste sábado, no Estádio Raulino de Oliveira, pela 1ª rodada da Taça Guanabara. O time alvinegro enfrentará o Madureira, terça-feira, às 16h, em Conselheiro Galvão, na 2ª rodada.

No primeiro tempo, o jogo teve relativo equilíbrio, com posse de bola improdutiva do Botafogo, escalado com time alternativo. Com três volantes no meio (Caio Alexandre, Bochecha e Luiz Otávio) mais um improvisado na lateral (Fernandes), o time não teve qualquer criatividade. No ataque, Igor Cássio improvisado de ponta e Vinicius Tanque pouco faziam.

Na etapa final, o técnico interino Bruno Lazaroni trocou Fernandes por Wenderson. Em cima do jovem volante improvisado, o Volta Redonda chutou uma bola na trave e chegou ao gol, com Saulo, aos 24 do segundo tempo. O time da casa antes teve um gol anulado por impedimento, em lance duvidoso.

Mesmo atrás no placar, o Botafogo foi incapaz de dar um chute a gol e incomodar o adversário, perdendo por 1 a 0.

FICHA TÉCNICA

VOLTA REDONDA 1 X 0 BOTAFOGO
Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data: 18 de janeiro de 2020, sábado
Horário: 18h (Brasília)
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga
Assistentes: Rodrigo Figueiredo H. Corrêa e Gustavo Mota Correia
Cartões amarelos: Wallison e Pedrinho (Volta Redonda); Gustavo Bochecha (Botafogo)

Gol: VOLTA REDONDA: Saulo, aos 25 minutos do segundo tempo

VOLTA REDONDA: Douglas, Oliveira, Heitor, Daniel Felipe e Luiz Paulo; Bruno Barra, Wallisson (William), Marcelo (Luan) e Bernardo (Saulo); Pedrinho e João Carlos
Técnico: Luizinho Vieira

BOTAFOGO: Cavalieri, Fernandes (Wenderson), Kanu, Sousa e Lucas Barros, Gustavo Bochecha, Luiz Otávio, Caio Alexandre (Ênio) e Gustavo Bochecha; Lucas Campos (Rafael Navarro), Vinicius Tanque e Igor Cássio
Técnico: Bruno Lazaroni (Auxiliar)

Fonte: Redação FogãoNET (texto) e Terra (ficha)