Deu tudo certo! A Ponte Preta não conseguiu conquistar a Copa Sul-Americana – perdeu para o Lanús por 2 a 0 na decisão – e o Botafogo vai disputar a Copa Libertadores da América depois de 18 anos, com o quarto lugar obtido no Campeonato Brasileiro.

A principal competição da América do Sul terá seus grupos e chaves da fase preliminar sorteados nesta quinta-feira, às 22h. O Botafogo, vale lembrar, terá de disputar a chamada “pré-Libertadores”, em dois jogos contra um adversário estrangeiro, para só depois ir à fase de grupos.

Segundo informações da imprensa sul-americana, o Botafogo estará no Pote 1 do sorteio da Pré-Libertadores. Assim, os adversários serão um dos que estão no Pote 2: Caracas (VEN), Sporting Cristal (PER), Nacional-URU, Deportivo Quito (EQU), Oriente Petrolero (BOL) e o terceiro representante do Chile (Iquique, Universidad Católica, Palestino ou Universidad de Chile).

Ao lado do Botafogo, estão no Pote 1: Atlético-PR, Santa Fé (COL), Morelia (MEX), Guaraní-PAR e o quinto representante da Argentina (Lanús, se não conquistar o Torneio Inicial argentino; ou River Plate, se o Lanús for campeão do Inicial).

Dos 38 clubes participantes, só três ainda faltam ser conhecidos. Chama a atenção a ausência de clubes que costumam dar trabalho, como Boca Juniors, LDU e Libertad. Atlético-MG, Cruzeiro, Vélez Sarsfield, Newell’s Old Boys, Bolívar, Unión Española (CHI), Cerro Porteño e Peñarol são os cabeças-de-chave. Confira os participantes:

BRASIL:
Atlético-MG (campeão da Libertadores-2013)
Cruzeiro (campeão do Campeonato Brasileiro)
Flamengo (campeão da Copa do Brasil)
Grêmio (vice-campeão do Campeonato Brasileiro)
Atlético-PR (3º lugar no Campeonato Brasileiro)
Botafogo (4º lugar no Campeonato Brasileiro)

ARGENTINA:
Vélez Sarsfield (campeão do Campeonato Argentino 2012/2013)
Newell’s Old Boys (campeão do Torneio Final 2013)
Arsenal Sarandí (campeão da Copa Argentina 2012)
Lanús (campeão da Copa Sul-Americana)
San Lorenzo (se for campeão do Torneio Inicial) ou River Plate (se Vélez, Newell’s ou Lanús forem campeões do Torneio Inicial)

BOLÍVIA:
Bolívar (campeão do Torneio Clausura 2012/2013)
BOL 2 (Campeão do Apertura 2013/2014) – The Strongest ou San José, o Bolívar lidera mas já está garantido)
Oriente Petrolero (vice-campeão do Torneio Clausura 2012/2013)

CHILE:
Unión Española (campeão do Torneio Transición 2013)
O’Higgins (campeão do Torneio Apertura 2013)
CHI 3 (Iquique, Universidad Católica, Palestino ou Universidad de Chile)

COLÔMBIA:
Atlético Nacional (campeão do Apertura 2013)
Deportivo Cali (segunda melhor campanha na temporada)
Santa Fe (terceira melhor campanha na temporada)

EQUADOR:
Emelec (Campeão do Campeonato Equatoriano)
Independiente del Valle (vice-campeão do Campeonato Equatoriano)
Deportivo Quito (terceira melhor campanha na temporada)

MÉXICO:
Santos Laguna (primeiro na fase classificatória do Apertura 2013)
León (segundo na fase classificatória do Apertura 2013)
Monarcas Morelia (terceiro na fase classificatória do Apertura 2013)

PARAGUAI:
Cerro Porteño (campeão do Clausura 2013)
Nacional (campeão do Apertura 2013)
Guaraní (maior pontuação excetuando-se os campeões do Clausura e do Apertura)

PERU:
Real Garcilaso (finalista do Campeonato Descentralizado 2013)
Universitario (finalista do Campeonato Descentralizado 2013)
Sporting Cristal (terceiro no Campeonato Descentralizado 2013)

URUGUAI:
Peñarol (campeão do Campeonato Uruguaio 2012/2013)
Defensor (segunda melhor campanha na temporada 2012/2013)
Nacional (terceira melhor campanha na temporada 2012/2013)

VENEZUELA:
Deportivo Anzoátegui (campeão do Apertura 2012)
Zamora (campeão do Clausura 2013)
Caracas (maior pontuação excetuando-se os campeões do Clausura e do Apertura)

Fonte: Redação FogãoNET