O Botafogo segue se aproximando perigosamente da zona de rebaixamento. Na (re)estreia do técnico Alberto Valentim, o Glorioso foi derrotado pelo Vasco da Gama por 2 a 1 nesta quarta-feira, em São Januário. O Fogão está em 13º no Campeonato Brasileiro, com 30 pontos, mas viu a distância para o Z-4 cair para apenas quatro pontos. O próximo rival é justamente o CSA, primeiro na zona da degola, segunda-feira, no Nilton Santos.

O Vasco começou em cima e saiu na frente num lance de sorte. Bruno Gomes arriscou de fora da área, a bola desviou em João Paulo no meio do caminho e tirou as chances de defesa de Diego Cavalieri: 1 a 0. O Botafogo não conseguia se encontrar e o time da casa fez o segundo, com direito a Lei do Ex: Ribamar, formado no Glorioso, cortou para a canhota e acertou um bonito chute, aos 17 minutos, fazendo 2 a 0.

Depois disso, o Botafogo conseguiu melhorar. Aos 20 minutos, Luiz Fernando cruzou e Yuri obrigou o goleiro Fernando Miguel a fazer uma grande defesa. Na cobrança do escanteio, Marcinho bateu fechado e Marcelo Benevenuto subiu no terceiro andar para diminuir para 2 a 1. O Fogão ainda poderia ter ido para o intervalo empatando: Luiz Fernando cruzou, Cícero cabeceou para baixo e o goleiro do Vasco salvou com uma dificílima defesa.

No segundo tempo, o Botafogo tomou a iniciativa em busca do empate, mas encontrou dificuldades e viu o Vasco levar mais perigo. Diego Cavalieri fez uma defesaça aos 16 minutos, em cabeçada de Marrony no cantinho. Depois, o goleiro alvinegro voltou a trabalhar, em chute de Rossi após contra-ataque pelo lado direito. O Vasco cozinhou a partida até o final, e o Glorioso não conseguiu jogar o suficiente para empatar ou virar o clássico.

Próximos jogos

Após a sequência de duas partidas como visitante, o Botafogo volta a jogar no Estádio Nilton Santos na próxima rodada, segunda-feira, às 20h, diante do CSA. Depois, no dia 27, viaja até Porto Alegre para encarar o Grêmio, na Arena do Grêmio.

FICHA TÉCNICA
VASCO DA GAMA 2 X 1 BOTAFOGO

Estádio: São Januário
Data-Hora: 16/10/2019 – 21h30
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Emerson de Carvalho (Fifa/SP) e Danilo Simon Manis (Fifa/SP)
VAR: Braulio Machado (Fifa/SC), Dyorgines Padovani (ES) e Eduardo Gonçalves (MS)
Renda e público: R$ 593.881,00 / 16.195 pagantes
Cartões amarelos: Leandro Castán (VAS)
Cartões vermelhos:
Gols: Bruno Gomes 7’/1ºT (1-0), Ribamar 17’/1ºT (2-0) e Marcelo Benevenuto 21’/1ºT (2-1)

VASCO DA GAMA: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Leandro Castán e Henrique; Richard, Bruno Gomes (Guarín 38’/2ºT) e Leandro Ferreira (Marcos Júnior 13’/2ºT); Rossi, Ribamar (Gabriel Pec 17’/2ºT) e Marrony – Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Diego Cavalieri; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel (Kanu 32’/1ºT) e Yuri (Lucas Barros 24’/2ºT); Gustavo Bochecha, João Paulo e Cícero; Rodrigo Pimpão (Leo Valencia 3’/2ºT), Diego Souza e Luiz Fernando – Técnico: Alberto Valentim.

Fonte: Redação FogãoNET