Vice descarta reforço de peso e confirma: quer Elias

Compartilhe:

“O elenco do Botafogo é esse aí”. Com essas palavras o vice de futebol do Alvinegro, Francisco Fonseca, procurou esfriar uma possível empolgação da torcida por contratações de peso para a disputa do Brasileiro. Satisfeito com a conquista do Carioca, o dirigente vê o elenco pronto para ser campeão nacional e afirmou que as contratações serão apenas pontuais, para enriquecer o grupo.
O dirigente aproveitou para elogiar a qualidade dos atletas da base que subiram aos profissionais com o técnico Oswaldo de Oliveira e encorparam o time. Nos últimos nacionais, o Botafogo fez boas campanhas, mas careceu de peças de reposição e não conseguiu terminar entre os classificados à Taça Libertadores.
– Já havia dito em outras entrevistas: o Botafogo iria entrar nos campeonatos em 2013 para ser campeão. Graças a Deus já conseguimos o primeiro. Faremos algumas contratações pontuais, mas o elenco do Botafogo é esse aí. Apenas vamos ver nossas deficiências. A base está aí, mostrando serviço. O elenco do Botafogo se encorpou. Quando falamos hoje do Vitinho, do Gilberto, não são mais os mesmos de quatro meses atrás. Nós temos elenco para disputar o Campeonato Brasileiro, por isso vamos fazer contratações pontuais, e não de impacto – disse à Rádio Tupi Francisco Fonseca.
O atacante Alex, revelado pelo clube e que estava emprestado ao Dibba Al Fujairah, dos Emirados Árabes Unidos, retornará no meio do ano. Outro jogador que pode reforçar o setor ofensivo é Elias, destaque do Resende no Campeonato Carioca.
– O Elias fez um bom Campeonato Estadual e pode vir a jogar no Botafogo, sim. Já conversamos. É um atacante que entende do que faz. Mas não quer dizer que vamos contratá-lo. Precisamos completar algumas funções e uma delas é o ataque.
Por fim, Francisco Fonseca voltou a descartar a contratação do paraguaio Roque Santa Cruz, que pertence ao Manchester City-ING e está emprestado ao Málaga-ESP. Sondado pelo Alvinegro, os altos valores pedidos pelo atacante o afastaram de General Severiano.
– Tivemos duas conversas com o empresário do Roque Santa Cruz, mas o custo desse jogador é acima da nossa realidade. O Botafogo trabalha com o pé no chão. Os números são acima das nossas possibilidades. Tivemos duas conversas e ficou por isso. Está muito mais para não fechar.
O Botafogo voltará a jogar nesta quarta-feira, em Volta Redonda, pela segunda fase da Copa do Brasil, às 22h. Após empatar sem gols em Maceió, a equipe precisa vencer o CRB para avançar. Se houver novo 0 a 0, a decisão será nos pênaltis. Qualquer igualdade com gols beneficia o time alagoano.


Fonte: Globoesporte.com e Rádio Tupi
Comentários