O Botafogo continuará exibindo a marca da empresa Viton 44 em sua camisa na temporada 2015. O Alvinegro anunciou ter fechado negociação com o empresário Neville Proa em seu site oficial, neste sábado. A diretoria afirmou ainda que detalhes “como a propriedade do uniforme desejada e o valor final do patrocínio ainda serão acertados”.

UOL Esporte apurou que o acordo ainda não está assinado, pois o empresário espera documentação que comprove a liberação da conta do Botafogo, na qual o empresário deseja efetuar pagamentos de forma direta.

Os dirigentes alvinegros, porém, já conseguiram convencer o empresário em manter o acordo, que acontece desde 2011. Neville Proa cogitava acabar com a ligação por causa dos problemas financeiros do Botafogo nesta temporada. Durante boa parte do ano, o empresário pagou as cotas do patrocínio em juízo e até recebeu visitas de um oficial de justiça que desejava conhecer as fontes de receita alvinegras.

Em contato com a reportagem, Neville Proa adiantou que o negócio ainda não está fechado justamente pelas problemas jurídicos do clube. Caso a assinatura do negócio seja sacramentada, a empresa será patrocinadora master do Botafogo, com a marca sendo exibida no local mais valorizado o uniforme – na frente da camisa.

“Ainda aguardo o envio da documentação que exigi e que eles já dizem ter em mãos. Assim que fizerem isso, o acordo será oficial”, explicou o empresário, que não terá mais exclusividade no patrocinador. As demais propriedades estão liberadas a outras empresas interessadas. Em 2014, a Viton 44 pagou R$ 25 milhões ao Alvinegro – em acordo exclusivo.

O retorno do clube ao Ato Trabalhista era uma das condições apontadas pela Viton 44 para dar continuidade ao acordo. Nesta sexta-feira, o clube anunciou acordo com o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) e deu passo importante para abandonar as penhoras de receitas. A vitória judicial representa alívio na crise financeira que atrapalhou o Botafogo durante todo o ano de 2014.

Com fôlego, a Viton 44 trabalha para ter sua marca exposta nos quatro principais clubes do Rio de Janeiro. Botafogo, Fluminense e Flamengo já fecharam acordos. A empresa, agora, trabalha em conjunto com o Vasco para fechar parceria.

As conversas tiveram início recentemente e partiram do Cruzmaltino. O clube procura um substituto para expor sua marca na manga da camisa, em substituição ao guaraná “Tron”.

Fonte: UOL