A CBF divulgou semana passada um comunicado afirmando que o Botafogo foi beneficiado pela arbitragem na partida contra o Sport, no Nilton Santos. Desta vez a torcida do Botafogo é que tem motivos para reclamar.

A entidade máxima do futebol brasileiro, através da Diretoria da Arbitragem, afirmou que a equipe alvinegra foi prejudicada no Brasileirão pelo árbitro na partida do último domingo, contra o Atlético-GO, em Goiânia.

No lance de empate dos goianos, um atacante em posição de impedimento disputou a bola com um alvinegro e, na sequência, seu companheiro fez o gol. O árbitro Caio Max Augusto Vieira e o seu assistente validaram o gol.

Veja o que a CBF fala sobre a aplicação da regra: ‘Um jogador em posição de impedimento no momento em que a bola for jogada ou tocada por um companheiro de equipe só deve ser punido se participar ativamente no jogo ao disputar a bola com o adversário’.

A entidade ainda não se pronunciou se o árbitro e o assistente serão punidos.

O que a CBF disse:

DECISÃO EQUIVOCADA DA ARBITRAGEM

Jogo: Atlético-GO 1 x 1 Botafogo-RJ, Estádio Olímpico Pedro Ludovico – GO

Descrição do lance: Jogador atacante em posição de impedimento disputa a bola com o adversário e na sequência seu companheiro faz o gol. Árbitro assistente válida o gol.

Aplicação da regra: Um jogador em posição de impedimento no momento em que a bola for jogada ou tocada por um companheiro de equipe só deve ser punido se participar ativamente no jogo ao disputar a bola com o adversário.

Decisão regulamentar: impedimento – tiro livre indireto.

Fonte: O Dia Online e Site oficial da CBF