O próximo adversário do Botafogo no Campeonato Brasileiro será o América Mineiro, domingo, às 16h, no Independência. Na 6ª colocação com oito pontos somados, o Alvinegro buscará os três pontos em solo mineiro para encostar no pelotão da frente. Em entrevista coletiva o treinador Alberto Valentim pregou respeito ao adversário e pediu seriedade para buscar a primeira vitória fora de casa no Brasileirão.

– Precisamos encarar o América-MG de uma forma séria. Um time bom, que se defende bem. Precisamos fazer pontos fora de casa, principalmente contra um adversário direto na tabela. O Brasileiro é muito difícil e temos que aproveitar essa semana restante de treinamento para entrarmos com tudo mentalizado – disse Alberto Valentim.

Confira os demais trechos da entrevista coletiva de Alberto Valentim:

INÍCIO NO CAMPEONATO BRASILEIRO

– Começo bom. A gente está em uma posição boa perto dos primeiros. Jogamos contra times fortes, mas precisamos melhorar em todos os sentidos. Precisamos errar menos e acertar mais… O detalhe será muito importante no jogo.

INTEGRAÇÃO COM A BASE

– Ontem estive aqui para ver o jogo do Sub-20. infelizmente não conseguimos ir para a final. Um time organizado, mas não conseguiu fazer mais um gol. A gente está muito próximo. Sempre temos jogadores no elenco profissional completando os treinos. E quando digo isso é que são parte do trabalho. Estive em Niterói com os treinadores da base, foi muito proveitoso.

LONGO PRAZO CONTA

– O fato do Enderson estar lá há muito tempo é positivo para o clube. O entrosamento é muito maior. Você vê o Corintinas com o Carile? Os jogadores conhecem por mais tempo o treinador.

REFORÇOS INTERNOS

– O Léo Valência está treinando normalmente, assim como o Moisés. O Marcelo ainda não está bem. Estou ganhando reforços importantes que vão nos ajudar muito.

UM PASSO DE CADA VEZ

– O número que a gente colocou na cabeça são os três pontos no Independência. Vamos sempre pensar no adversário que está na frente.

TODOS SÃO IMPORTANTES

– Tenho que ser transparente com eles. O Moisés vinha em um grande momento, mas o Gilson correspondeu. Tenho que pensar jogo a jogo e ver quem estará melhor fisicamente, como o adversário joga. Tudo isso conta na hora da decisão.

Fonte: Site oficial do Botafogo