Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

16/05/21 às 11:05 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Vasco
VAS

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

0

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Almir confirma ter recebido oferta do Botafogo: ‘Quero terminar o ano no Flamengo’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

O meia Almir não teve muitas oportunidades desde que chegou no Flamengo, após ser um dos destaques do Campeonato Carioca atuando pelo Bangu. Após Oswaldo de Oliveira ter assumido o comando da equipe, o camisa 28 tem sido presença contante no banco de reservas, tendo inclusive entrado na última partida, diante do Atlético-MG.

Em entrevista coletiva concedida nesta quarta no CT do Ninho do Urubu, o meia rubro-negro falou sobre sua meta no clube, proposta do Botafogo, G-4 e muito mais. Veja:

RENOVAÇÃO DE CONTRATO COMO META

– Com certeza. Estou muito feliz aqui, fui muito bem recebido por funcionários, comissão, presidente e jogadores. Me sinto em casa. Mas primeiro temos que fazer um trabalho bem feito, dar resultados em campo. Primeiro é preciso conquistar o meu objetivo e o do Flamengo, que é chegar ao G-4.

POUCAS OPORTUNIDADES E PROPOSTA DO BOTAFOGO

– Em nenhum momento fui afastado. Fraturei meu braço, recuperei, voltei a treinar e estava no grupo. Fui em todos os jogos com Cristóvão e Oswaldo. Surgiu essa proposta do Botafogo, mas eu estava muito focado aqui, mesmo sem muito espaço ou oportunidades. Quando vim para cá, disse que era um sonho vestir a camisa do Flamengo. Ainda temos muito jogos, e tenho certeza que vou conquistar meu objetivo. Recebi outras propostas, essa do Botafogo, mas nunca tive interesse de sair daqui, mesmo com poucas oportunidades. Quero terminar o ano aqui, conquistar o objetivo do G-4. Esse é o meu objetivo.

OSWALDO DE OLIVEIRA

– Oswaldo já me conhecia, inclusive fora do país. Enfrentei o professor Oswaldo aqui e no Japão. O fato de ele ter me colocado no último jogo acho que foi pela entrega nos treinamentos. Mesmo fora, nunca desanimei.

TITULARIDADE:

– A gente trabalha sempre com esse objetivo. O time vem numa crescente muito boa, e a concorrência é muito grande na minha posição. Alan Patrick vem fazendo um grande campeonato. Vou trabalhando muito forte para estar sempre à disposição.

Notícias relacionadas
Comentários