A Associação Atlética Aparecidense pegou o adversário mais complicado entre os representantes goianos na edição 2018 da Copa do Brasil. Na 1ª Fase da competição o Camaleão enfrentará o Botafogo do Rio de Janeiro.

Nas fases iniciais a disputa pela classificação será em confronto único. Com isso a Aparecidense que tem uma colocação pior que o Botafogo tem o direito de ser o mandante, porém o clube carioca tem a vantagem do empate para avançar.

João Rodrigues Cocá, diretor de futebol da Aparecidense, afirmou estar feliz em encarar um gigante logo de cara e trata o jogo como o mais importante da história do clube. 

“Achei ótimo e vamos enfrentar um jogo diante de um grande adversário. Será o jogo da vida da Aparecidense e quem sabe poderemos surgir como uma grande surpresa na competição”.

De acordo com o regulamento da CBF, o Estádio Aníbal Batista de Toledo tem condições de receber a partida. Cocá diz que só uma negociação muito vantajosa para a Aparecidense pode tirar o duelo contra o Botafogo de Aparecida de Goiânia.

“Vamos tentar que o jogo seja no Aníbal Batista de Toledo, já que seria um grande presente para Aparecida de Goiânia. Caso não seja, a melhor opção é o Olímpico”.

Fonte: Diário de Goiás