Apoio de Roger vira incentivo para Vinicius Tanque: ‘É um paizão, aprendo muito’

Compartilhe:

Vinícius Tanque entrou em campo na última quarta-feira (11) contra a Chapecoense e fez o gol da virada e a da vitória do Botafogo em cima da Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro. Um gol que deu moral ao jovem atacante dentro do clube.

Nesta quinta-feira (12), o jogador deu entrevista coletiva e falou sobre o apoio recebido por uma pessoa em especial: o atacante Roger, que está fora dos gramados após fazer cirurgia de um tumor. O centroavante é visto como um ‘paizão’ para o ex-atleta da base.

“Futebol é muito dinâmico. Infelizmente, perdemos o Roger, ele é meu amigo e me incentiva o tempo todo. Ele sempre diz que acredita em mim. Pude escutá-lo bastante e fico observando nos treinamentos para pegar experiência. O Roger é um paizão e me ajuda bastante. Venho aprendendo muito com ele”, declarou Vinícius Tanque,

O incentivo de Roger pode tê-lo inspirado a vencer um adversário duro para qualquer jogador. O atleta foi alvo de vaias durante a partida e prefere deixar as críticas de lado para seguir mostrando que pode ajudar o Botafogo.

“Confesso que não ouvi as vaias, mas isso faz parte do futebol. Fico feliz por ajudar. Só com trabalho a torcida vai parar de vaiar. Penso em fazer mais gols,  porque a torcida vai continuar cobrando. Eu também me cobro. Sou um cara trabalhador. Sei que as críticas virão, mas tem que ter a cabeça fria. Me cobro muito é é muito bom marcar gols”, disse.

Fonte: Torcedores.com

Comentários