Quando se fala em Seleção Brasileira e Copa do Mundo, a ligação ao Glorioso é imediata. Clube que mais cedeu jogadores para o Brasil em Copas do Mundo, com 47 convocações no total, o Botafogo não terá atleta representante neste Mundial, mas ainda assim continua associado à equipe canarinha na campanha rumo ao hexa. O Presidente Nelson Mufarrej foi o chefe da delegação no amistoso em Viena, contra a Áustria, tendo assumido o posto em Londres e exercido sua função por 7 dias. No período, Mufarrej teve a oportunidade de projetar a marca Botafogo e vivenciar a estrutura de alto nível que acompanhou os comandados de Tite na reta final de preparação.

– Foi uma experiência muito gratificante representar a instituição Botafogo e contribuir com a seleção nesse período como chefe da delegação. Há uma atmosfera muito positiva e profissional que tende a ser bastante frutífera ao longo da disputa do torneio. O Brasil entra na Copa do Mundo bem preparado na busca pelo Hexacampeonato – destacou o Presidente Nelson Mufarrej.

A maior parte das atividades da seleção ocorreu no CT do Tottenham Hostpur FC, em Londres, um dos mais modernos do futebol mundial. Durante a rotina de treinamentos no espaço – que possui uma área total de mais de 300 mil metros quadrados – Mufarrej aproveitou para conhecer de perto a infraestrutura: 15 campos de futebol e instalações de alto nível de apoio à performance dos atletas. O Presidente trouxe na bagagem referências das melhores para aplicar no futuro CT do clube, na zona oeste do Rio, que está na fase de desenvolvimento do projeto.

Em um momento de pausa nos treinamentos, Nelson Mufarrej presenteou o lateral-esquerdo Marcelo com uma camisa oficial do clube.

Fonte: Site oficial do Botafogo