O volante Marcelo Mattos, do Botafogo, completou 31 anos nesta terça-feira e afirmou que pretende “fazer história” no Alvinegro. Além disso, o jogador conheceu o ex-atleta Alemão, destaque do Bota na década de 1980, e cumprimentou o ex-volante da Seleção e hoje coordenador-técnico do São Cristóvão.

“É a primeira oportunidade que tenho de conhecer o Alemão. Já tinha assistido a vídeos dele. Era um volante de muita qualidade. É um espelho para mim”, declarou Mattos.

Ídolo do passado botafoguense como volante, Alemão é espelho para Mattos. O jogador do elenco do Bota não foge de suas responsabilidades como um dos líderes do elenco. Pelo contrário, ele fala em resgatar o time carioca.

“Estou ficando um pouco mais experiente, né (risos)? Fico feliz por completar 31 anos e poder participar desse momento do Botafogo, de reestruturação, em busca de voltar à primeira divisão. Eu e Jefferson somos dois dos mais velhos do elenco e espero contribuir muito dentro e fora de campo. Também me sinto uma referência. Quando o Jefferson decretou que ficaria no Botafogo, fiquei muito feliz, já que ele é um jogador para dividir comigo essa responsabilidade de ajudar os mais jovens e também a comissão técnica. Temos muita participação nisso. Temos que ajudar porque conhecemos muito bem o Botafogo. Sou um dos jogadores com mais jogos pelo Botafogo, mas quero fazer muito mais pelo clube. Quero entrar para a história por colocar esse time de volta na primeira divisão”, exaltou o volante do Bota.

Fonte: Futnet