Após folga de dois dias, jogadores do Botafogo iniciam semana intensa de trabalho

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Passada a folga no fim de semana após uma maratona de jogos, o elenco alvinegro inicia uma semana intensa de trabalho, visando a partida contra o Sampaio Corrêa, sexta-feira, no Castelão. Neste período, o técnico Ricardo Gomes espera receber seu time recuperado do desgaste e pronto para receber os ajustes necessários para emplacar um sequência de três vitórias consecutivas se mantendo embalado na Série B do Campeonato Brasileiro.

Mesmo satisfeito por poder usufruir da brecha no calendário, o comandante alvinegro garantiu que a semana será de muito trabalho.

– Primeiro o descanso depois o treino. Nós voltaremos concentrados e vamos treinar até sexta-feira pensnado no jogo. Vamos ver com foi essa semana de recuperação, pois temos um adversário importante. Eu vi os jogos do Sampaio Corrêa e eles estavam muito bem. É um adversário difícil e temos que nos preparar bastante – disse Ricardo Gomes.

Mesmo a três vitórias de garantir matematicamente o acesso, o treinador do Botafogo mantém a cautela. Segundo Ricardo Gomes a estratégia da comissão técnica e, consequentemente dos jogadores, sempre foi trabalhar rodada a rodada. Questionado se já enxerga o Glorioso perto de garantir o acesso o técnico foi direto.

– Ainda não vejo nada lá na frente. Só vejo o duelo com o Sampaio Corrêa na sexta-feira. Estamos estudando bastente o estilo de jogo do adversário e nos focando nesse jogo importante contra o Sampaio Corrêa, fora de casa. Vamos jogo a jogo – afirmou Ricardo Gomes.

O pensamento do treinador se reflete também entre os jogadores que apesar da boa campanha do time alvinegro preferem manter os pés nos chão.

– Fica a expectativa da gente continuar pontuando e garantir o acesso o mais rápido possível, mas temos que manter os pés no chão. É importante manter o nosso foco e somar pontos fora e dentro de casa. Passo a passo a gente quer conquistar o acesso e pensar depois no título – afirmou Neilton.
Apesar da proximidade de sacramentar o retorno à elite, o zagueiro Diego Giaretta descartou um clima de ansiedade no grupo alvinegro.

– Não tenho sentido isso no nosso grupo. Se existe ansiedade em algum de nós, ninguém demonstra. Não falamos sobre isso porque a Série B é difícil, e se hoje estamos nessa situação é porque tivemos uma atitude boa quando as coisas se complicaram – disse Giaretta.

Notícias relacionadas