Após jogos importantes e longa folga, Bota tem mais uma decisão

Compartilhe:

É comum ver um time perder o foco após uma longa pausa durante a temporada. Mas a expectativa é que isso não ocorra no Botafogo em sua primeira prova de fogo, hoje, contra o CRB, às 22h, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda – com transmissão em tempo real pelo LANCE!Net.

O duelo vale pela partida de volta da segunda fase da Copa do Brasil. E como na ida, em Alagoas, as equipes empataram em 0 a 0, um empate com gols elimina o Alvinegro. Caso o placar se repita, a decisão será nos pênaltis.

Por precisar da vitória para seguir à próxima fase, o técnico Oswaldo de Oliveira garante atenção total durante os 90 minutos.

– O grupo está focado e determinado. Readquirimos a confiança anterior e estamos prontos para dar continuidade ao trabalho que vem sendo feito – disse Oswaldo.

Se por um lado o intervalo de 16 dias sem partidas pode ter feito o time perder o ritmo de jogo, por outro ajudou os atletas a recuperarem o fôlego e a aliviarem o estresse das seguidas decisões.

Inicialmente, o time não ficaria tanto tempo sem jogar. Mas uma mudança na tabela e o adiamento do jogo de hoje – que estava marcado anteriormente para o dia 15 – criaram o abismo, que recebeu severas críticas de Oswaldo de Oliveira:

– Esse período sem jogos foi impreciso, inesperado e prejudicial para o Botafogo, pois a expectativa era ter jogado dia 15 e dividir em duas partes de tempo iguais.

Mostrando confiança no elenco, Oswaldo citou a perda do Engenhão para lembrar o amadurecimento de seus jogadores já no Estadual.

– A readaptação foi ótima, assim como no Carioca, quando perdemos o Engenhão. Confesso que me preocupei, mas a equipe superou.

Ideia é não deixar cair a qualidade

O Botafogo conquistou o Campeonato Estadual com sobras, levando os dois turnos e sem qualquer problemas. Agora, prestes a iniciar o Campeonato Brasileiro e buscando a vaga na próxima fase da Copa do Brasil, o técnico Oswaldo de Oliveira sabe que o nível demonstrando anteriormente não pode cair:

– Temos de dar continuidade e seguir trabalhando. Temos de estar atentos para não perdemos a qualidade e a consistência. É isso que estamos procurando neste momento. O Botafogo alcançou um bom estágio de entrosamento e de competição. Precisamos nos aplicar mais para evoluir.

O Botafogo terminou o Carioca com o melhor ataque e a melhor defesa da competição. Além disso, o apoiador Seedorf foi eleito o melhor jogador do torneio e sete jogadores do time, mais o técnico Oswaldo de Oliveira foram para a seleção do Estadual.

Decisões nesta temporada

Contra tudo e todos – Na semifinal da Taça Guanabara, o Botafogo enfrentou o Flamengo, que tinha se classificado com a melhor campanha. Mesmo desacreditado e sem a vantagem do empate, o Alvinegro fez 2 a 0 e eliminou o rival.

No sufoco – A mesma situação aconteceu contra o Vasco, na final da Taça GB. Precisando vencer, o time de Oswaldo de Oliveira jogou bem, mas só conseguiu marcar no fim do segundo tempo.

Quase complicou – Após empate por 0 a 0 no Distrito Federal, o Botafogo venceu por 2 a 0 o Sobradinho, no Raulino de Oliveira, e passou para a segunda fase da Copa do Brasil.

Título merecido – Podendo empatar por ter se classificado com a melhor campanha, o Botafogo ganhou a semifinal e a final da Taça Rio. Contra o Resende, aplicou um sonoro 5 a 0 e na final derrotou o Fluminense por 1 a 0, com gol de Rafael Marques.

Fonte: Lancenet!

Comentários