De acordo com informações divulgadas pelo Olé, tradicional periódico esportivo da Argentina, a diretoria do San Lorenzo está interessada em contar com o atacante Wallyson para compor o elenco que disputará a Libertadores e o Campeonato Argentino em novos moldes, com a extinção do torneio de abertura e de fechamento em 2015.

Dispensado do plantel alvinegro junto com outros 16 nomes, após a segunda queda do Botafogo à Série B em um ínterim de 11 anos, Wallyson chegou a ser sondado pelo ABC-RN, clube que o revelou, mas acabou não fechando negócio por conta dos altos valores, que impossibilitaram a participação dos potiguares na negociação.

Após perderem o atacante Ignacio Piatti, um dos destaques da campanha vitoriosa na Libertadores de 2014, os argentinos recorrem ao mercado para reforçar o elenco vice-campeão mundial no Marrocos. A cúpula do Ciclón já fez uma oferta ao agente do jogador para obtê-lo por empréstimo, com opção de compra, e aguarda uma resposta até os próximos dias. “Nós achamos que é possível, esperamos ter uma boa resposta neste fim de semana”, comentou o mandatário do clube.

Com passagens por clubes como Atlético-PR, Bahia, São Paulo e Cruzeiro, além do ABC, o atacante desembarcou no Rio de Janeiro no início de 2014 para ser peça importante na volta do Botafogo a Libertadores após 18 anos de sua última participação. Apesar das boas atuações, o jogador sofreu com a falta de constância, e acabou sendo posto de lado.

No duelo inaugural da Libertadores 2014, Wallyson foi autor de um dos gols da vitória do Botafogo sobre o San Lorenzo, por 2 a 0, no Maracanã. Os argentinos, inclusive, conseguiriam a classificação às fases eliminatórias ao superarem o Glorioso por 3 a 0 em Buenos Aires, no último jogo da fase de grupos.

Fonte: Gazeta Esportiva e Olé