Esgotados logo no primeiro dia de venda, muitos dos ingressos da decisão do Campeonato Carioca entre Botafogo e Vasco pararam nas mãos de cambistas. Do lado de fora do Maracanã, eles cobravam até R$ 500 por uma entrada do setor Leste Superior sem sofrerem maiores incômodos.

Muitos deles também organizavam uma espécie de “troca-troca”. Pelo fato de muitos vascaínos terem comprado o setor Norte, destinado exclusivamente aos botafoguenses, eles aceitavam o câmbio de bilhetes mediante o pagamento de mais uma “diferença” que variava até R$ 100.

O clima nos arredores do local é de festa. Ambas as delegações chegaram escoltadas pela Polícia Militar sem maiores problemas. O ônibus do Botafogo foi o primeiro a chegar, por volta das 14h20. Os cruzmaltinos desembarcaram às 14h40.

Botafoguenses brigam entre si, e vascaínos são retirados

Na entrada do setor Norte, uma pequena briga aconteceu entre botafoguenses. Após muita confusão, a cavalaria da Polícia Militar foi acionada e conseguiu conter o tumulto. Alguns mais exaltados ainda ficaram discutindo por algum tempo, mas sem maiores problemas.

Do lado de dentro, vários torcedores do Vasco foram identificados dentro do espaço alvinegro, retirados e encaminhados ao Jecrim (Juizado Especial Criminal) pelos homens do Gepe (Grupamento Especial de Policiamento em Estádios).

A fiscalização, no entanto, começou fora do estádio. Na entrada norte, vários botafoguenses tentavam identificar vascaínos e fizeram até algumas ameaças ao ar: “Você tem cara de vascaíno e está sem camisa do Botafogo. Lá dentro vai ser mais complicado, fera”, disse um alvinegro.

Por ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0, o Vasco joga pelo empate para ser campeão carioca. Em caso de vitória do Botafogo por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis.

Fonte: UOL