A equipe Sub-20 de futebol do Botafogo está sob novo comando! Dando sequência na política já característica do clube de valorização dos profissionais da casa, o Glorioso anuncia que Felipe Lucena é novo treinador do time juniores do Alvinegro.

Há quase três anos no Botafogo, Felipe estava à frente das categorias Sub-17 e Sub-16 e agora assume o cargo no Sub-20 já visando a disputa de duas importantes competições, a Copa Internacional Ipiranga, que se inicia no fim de novembro em Porto Alegre, e a Copa São Paulo de Futebol Júnior, que acontece no começo de 2019.

Apesar de “novo” no comando, Lucena já está mais do que habituado ao elenco e ao trabalho realizado na categoria, isso porque o treinador passou cerca de dois anos como auxilar de Eduardo Barroca e participou de conquistas importantes como o Carioca e o Brasileiro de 2016 e o Torneio OPG de 2017. Além disso, ele dirigiu a equipe em alguns jogos importantes enquanto Barroca esteve na Seleção, como por exemplo na Copa São Paulo de 2017, levando o Alvinegro a uma de suas melhores campanhas no torneio, saindo nas quartas de finais. Contente, o técnico falou sobre o seu novo desafio dentro do Botafogo.

– Estou muito feliz com o convite. Agradeço a confiança da diretoria no meu trabalho. É motivo de muito orgulho estar voltando a categoria sub-20, onde passei dois anos como auxiliar e cresci muito, conseguimos resultados expressivos e títulos importantes para a história do clube. Vou trabalhar incessantemente para obtermos ter muito sucesso e o, mais importante de tudo, para formarmos jogadores em alto nível para a equipe profissional do Botafogo. – declarou.

Além dos bons trabalhos realizados dentro do Alvinegro, Lucena também conta com uma importante vivência no futebol profissional. O técnico alvinegro realizou toda a sua formação no Audax-RJ, passou pela Tombense e também pela Portuguesa-SP. Na equipe paulista, inclusive, foi onde conseguiu a sua primeira experiência como treinador de uma equipe profissional, dirigindo a Lusa por 5 jogos e sendo o treinador com o melhor aproveitamento da equipe em 2016, além do mais jovem a assumir um clube naquele ano. Felipe trabalhou como auxiliar de técnicos conhecidos como: Mauricio Barbieri, Júnior Lopes, Estevão Soares e Ricardinho.

– Tenho uma história muito legal aqui. Cheguei ao Botafogo aos 16 anos para ser atleta, consegui me profissionalizar como jogador de futebol mas não dei sequência na carreira. Estudei, me preparei, trabalhei no futebol profissional e acabei voltando de uma outra forma em 2016. Sou muito feliz aqui e estou muito animado com esse novo desafio. – revelou o treinador.

No lugar de Felipe Lucena, Thiago Aprigio (auxiliar técnico da categoria) comandará a equipe Sub-16 durante a disputa do triangular final do Torneio Guilherme Embry que está em andamento. Mesmo sem estar à beira do campo, Felipe continuará acompanhando o time na competição, contribuindo na luta pelo título.

Fonte: Site oficial do Botafogo