O Botafogo de Léo Figueiró fez história. Após derrotar o Pinheiros nesta terça-feira, no Ginásio Henrique Villaboim, por 82 a 78, o Alvinegro garantiu vaga na semifinal do NBB (Novo Basquete Brasil). Após o duelo o técnico, emocionado, falou sobre a emoção de alcançar a marca de quatro times de elite do torneio.

– Resgate de uma história gigantesca. É até difícil falar. Eu estive no clube como jogador, nós fomos para a semifinal, em 2001. Agora, no meu retorno, a gente volta para o lugar que paramos, com chance de avançar mais. É muita coisa, não consigo nem falar. Entrei no clube com 12 anos. É muita coisa envolvida – analisou.

O Botafogo havia perdido as duas partidas realizadas em São Paulo na série, mas se superou e, com uma virada no último período, venceu em uma partida emocionante. Léo Figueiró elogiou o elenco, que fechou o confronto diante do Pinheiros por 3 a 2.- Os caras são fantásticos. São muito compromissados, acreditaram no que eu falei desde o início. Eu falei que não era só jogar, a gente tinha que fazer algo diferente. A temporada tinha que ser diferente. Não é só profissional, ganhar dinheiro. Meu retorno para o Botafogo não seria para ganhar um salário, nada disso, era para realmente resgatar a história do basquete. Estou muito feliz – afirmou.

Clássico carioca. Agora, o próximo adversário do Botafogo será o Flamengo, pela semifinal da competição. O primeiro jogo será na próxima sexta-feira, no Ginásio Oscar Zelaya, às 21h.

– É uma baita equipe, bem treinada, volume gigante de rotação. Já enfrentei várias vezes o Flamengo. Agora, é hora de comemorar. Vou pensar nisso amanhã – comentou.

Fonte: Terra