O Botafogo perdeu 22 jogadores da temporada passada para a atual e precisou se reestruturar de forma rápida para a disputa do Campeonato Carioca. A tarefa foi ainda mais difícil por ter sido liderada por um novo presidente, já que Carlos Eduardo Pereira assumiu o cargo no final de 2014. Com Antônio Lopes na gerência do futebol e René Simões como treinador, o departamento de futebol foi reformulado e um novo elenco construído. Mesmo com um teto salarial bem abaixo dos outros três grandes do Rio o Botafogo conquistou a Taça Guanabara e está na final do Campeonato Carioca.

Um dos principais nomes dessa campanha é o do atacante Bill, artilheiro da equipe com seis gols. Ele fala que os resultados estão aí para provarem que aqueles que criticaram o Botafogo estavam errados e enalteceu o trabalho que vem sendo desenvolvido no clube:

“É para calar a boca daqueles que falaram que os jogadores que chegaram eram indigentes, que o Botafogo não tinha feito boas contratações. É claro que ainda não está perfeito, temos que melhorar, mas quem está aqui no momento está ajudando, trabalhando, bem focado, e o Botafogo está de parabéns por ter acreditado nesses jogadores”.

Como venceu a Taça Guanabara o Botafogo joga por dois empates na final do Campeonato Carioca. Nem por isso Bill prevê jogos fáceis e diz que o time vai ter que entrar com muita disposição para alcançar o objetivo:

“Todo mundo sabe que jogar um clássico é muito difícil, ainda mais contra o Vasco. Temos que ter muita disposição nesse jogo para conseguirmos o objetivo que é o Campeonato Carioca. Nós estamos bem focados para conseguir esse título”.

Botafogo e Vasco vão se enfrentar pela final do Campeonato Carioca em dois jogos: nos dias 26 de abril e 3 de maio. As duas partidas serão em domingos, às 16h, no Maracanã.

Fonte: Site da Rádio Globo