A realidade é dura.

A teimosia de Alberto Valentim custou caro ao Botafogo. Mas há males no futebol que vêm para o bem.

Sofrer 5 gols em dois jogos não é normal.

O argentino Carli, como já foi dito, não pode jamais ser reserva no atual time do Botafogo. Lindoso e Marcelo são fracos como volantes.

O elenco atual sugere primeiro arrumar atrás.

Saudade dos tempos de Joel Santana. Esse não tinha vergonha em constatar as limitações do elenco. O que fazia então, Joel?

Não sofrer gols, para, se for o caso, tentar depois fazer. Tempos de equilíbrio.

Hoje não.

Alberto Valentim até tem boa vontade. O otimismo exagerado assusta. Chega a ser ingênuo. O Botafogo não é covarde nas mãos dele, mas não tem time para sair propondo jogo. Não com esses volantes e uma zaga absolutamente desprotegida.

Portanto, Valentim, a sugestão é fazer o básico.

Fonte: Blog do Bruno Voloch - Gazeta Esportiva