Impressionante esse Botafogo.

O time se classificou com sobras contra o Atlético-MG e fez um primeiro tempo irretocável. Não me lembro de desempenho semelhante na Copa do Brasil.

Até onde o Botafogo pode chegar?

Bem, a maioria, e não seria hipócrita de dizer o contrário, não acreditava nesse Botafogo.

Mas quem disse que eles se importam?

O grupo de jogadores está absolutamente fechado e cresce nas adversidades. Não existe individualidades. O conjunto é a força.

Impressionam a entrega e a obediência tática de uma equipe que tem noção das suas limitações.

Roger e João Paulo foram os melhores em campo.

Quem ousaria duvidar do Botafogo de hoje?

O Flamengo não deveria arriscar…

Fonte: Blog do Bruno Voloch - Gazeta Esportiva