Botafogo e Flamengo entram em campo neste domingo, às 16h, em duelo pela liderança do Campeonato Carioca. O jogo, no entanto, não será a única atração do dia. Isso porque o Maracanã realizará uma verdadeira festa para comemorar os 450 anos do Rio de Janeiro, com direito a bolo, banda Bangalafumenga e ídolos de cada clube entrando em campo para celebrar o aniversário da Cidade Maravilhosa.

“Os setores mistos sempre foram uma tradição do Maracanã, que procura estimular cada vez mais a convivência pacífica entre as torcidas. Esse estádio é especial e se orgulha muito de abraçar seus torcedores e esta cidade maravilhosa numa data tão importante, dando novamente exemplo de como é possível conviver em harmonia e em paz no futebol”, afirma Sinval Andrade, presidente do Maracanã.

Mas a comemoração não ficaria completa se não houvesse um grande jogo dentro de campo. E, para isso, nada melhor que os dois times que duelam pela liderança do Estadual: Botafogo e Flamengo. O Alvinegro soma 16 pontos, com o Rubro-negro logo atrás com 14. Ou seja, uma vitória pode recolocar o time da Gávea na ponta da competição.

E o Botafogo pode ter um importante desfalque de última hora. Bill, que provocou o Flamengo durante a semana, sentiu um desconforto na coxa direita e é dúvida. Caso o atacante vire desfalque, Sassá deverá ganhar uma chance ao lado de Jobson. Rodrigo Pimpão não se recuperou a tempo e segue fora. Diego Jardel, por outro lado, está de volta na vaga de Fernandes.

“Será um jogo de muita penetração. E a volta do Diego Jardel é importante nesse sentido, pois mostrou essa qualidade até aqui. Ele chega muito bem de trás e ficamos contentes com seu retorno. Não é a toa que marcou dois gols nesse início de Carioca. Mas o nosso time está confiante. Temos condições de fazer um grande jogo, o que não significa  que vamos vencer. Quero jogar bem, pois aí nossas chances de vencer aumentam”, disse o técnico do Botafogo, René Simões.

O Flamengo, por sua vez, conta com três importantes desfalques. Everton, Anderson Pico e Cáceres foram vetados pelo departamento médico e não enfrentarão o Botafogo neste domingo. Pará será improvisado na e lateral esquerda, Marcio Araújo ganha vaga ao lado de Canteros e Eduardo da Silva entra no time titular.

O jogo será especial também para Léo Moura, que vai defender o Fort Lauderdale Strikers, dos Estados Unidos. O lateral direito será titular, o que gerou clima de oba-oba com a despedida do camisa 2. O técnico Vanderlei Luxemburgo tratou de colocar as coisas no lugar.

“Será o último jogo oficial dele no domingo, mas não é a despedida. Ele vai ter que jogar e corresponder. Não vamos poupar. O Léo está aí sabendo o risco que corre. Esse negócio de festa é com vocês [imprensa]. Nunca foi falado pelo lado do Flamengo que esse jogo será uma festa”, afirmou.

BOTAFOGO X FLAMENGO

Data: 1/03/2015
Hora: 17h (horário de Brasília)
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Péricles Bassols Cortêz
Assistentes: Dibert Pedrosa e Rodrigo Corrêa

Botafogo
Jefferson; Gilberto, Roger Carvalho, Renan Fonseca e Thiago Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Diego Jardel e Tomas; Jobson e Bill (Sassá)
Técnico: René Simões

Flamengo
Paulo Victor; Léo Moura, Wallace, Samir e Pará (Thallyson); Márcio Araújo, Canteros e Arthur Maia (Jonas); Eduardo da Silva, Marcelo Cirino e Alecsandro
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Fonte: UOL