O presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira, informou que o clube vai abrir conversas para tornar o Engenhão uma alternativa ao Maracanã, mas a capacidade atual de 20 mil torcedores dificulta os clássicos no local. Assim, o clube deseja jogar contra os grandes no Maracanã e vai abrir o diálogo:

— Com 20 mil lugares fica um estádio de pequeno porte para um clássico, mas estará disponível e estaremos abertos a estudar as alternativas.

O vice jurídico do Fluminense, Carlos Eduardo Cardozo, apenas referendou a nota divulgada pelo clube, não respondeu aos questionamentos e saiu constrangido da Ferj.

Fonte: Extra Online