Após o fim de trabalho desastroso de Zé Ricardo, o Botafogo iniciou o Campeonato Brasileiro com cara nova. Definitivamente. Além da contratação de Eduardo Barroca para ser o novo treinador, os resultados iniciais foram satisfatórios, com três vitórias consecutivas contra Bahia, Fortaleza e Fluminense, respectivamente. Porém, os dois tropeços consecutivos nas últimas rodadas já começam a ligar o alerta. Contra Goiás e Palmeiras, duas atuações abaixo da média e derrotas merecidas. Nesse sábado, o mais preocupante foi a ineficiência no ataque, desfalcado de Erik.

Nada que coloque o cargo de Barroca em xeque, visto que uma sequência irregular é normal em inícios de trabalho. O comandante vem tentando implantar um estilo de jogo mais ofensivo no Alvinegro e muitos jogadores ainda estão se adaptando. No entanto, a estagnada impede o time de subir mais ainda na tabela de classificação. Com nove pontos, o Botafogo poderia estar na zona de classificação para a Libertadores da América. Na sétima colocação, pode cair até para a 11ª ao término da rodada, a depender de alguns resultados.

Erik tem 9 gols na temporada e é o melhor jogador do time no ano. Naturalmente, sua ausência seria sentida em qualquer contexto. No entanto, a dependência do atacante foi ratificada em Brasília. O Glorioso finalizou à meta do Palmeiras somente oito vezes. Só dois chutes foram em direção ao gol. Isolado, Diego Souza foi engolido por Luan e Gustavo Gómez. Ou seja, não houve um plano B para suprir a falta do jogador. Por outro lado, Barroca tem pontos a serem elogiados. A disciplina tática, a organização em campo e a boa de bola, inclusive, foram enaltecidos por Luis Felipe Scolari.

– Quero parabenizar os jogadores do Botafogo, mas principalmente o Barroca pela maneira como ele coloca a equipe, pelo posicionamento. O Botafogo tem uma maneira de jogar que gostei bastante. Provavelmente fará um grande campeonato. Pela entrega, a forma como jogam até a saída de bola. Eu acho que ganhamos de uma equipe altamente organizada – afirmou Felipão em Brasília.

Após três jogos fora do Rio, o Botafogo terá uma semana importante atuando no Nilton Santos. Na quarta-feira enfrenta o Sol de América pela volta da segunda fase da Copa Sul-Americana, às 19h15. No domingo encara o Vasco, às 11h. Além de vencer, a expectativa é de o que o time possa apresentar evoluções em determinados aspectos e correção de erros que custaram pontos nos últimos compromissos.

Fonte: Terra