Nesta semana o Atlético-MG surpreendeu o futebol brasileiro ao decidir, em meio à pandemia do novo coronavírus, que seis atletas não estão nos planos: Ricardo Oliveira, Di Santo, Edinho, José Welison, Lucas Hernández e Ramon Martínez.

Máscaras do FogãoNET para torcedores do FogãoNET durante a quarentena da pandemia do novo coronavírus (COVID-19)

Perguntado se o Botafogo teria interesse em algum atleta do Galo, Carlos Augusto Montenegro, membro do Comitê Executivo de Futebol do clube, disse que não, mas revelou que Ricardo Oliveira foi um sonho antigo e que o centroavante Di Santo esteve próximo de fechar com o Glorioso antes de acertar sua ida para Belo Horizonte.

Não interessam, primeiro porque não temos grana. O Ricardo Oliveira foi um sonho meu há muito tempo, passei uns seis anos namorando ele, querendo ter ele, mas não conseguia. É um grande jogador. Estamos com um time jovem, com uma folha bem menor, com bons atacantes. Esse Di Santo nos foi oferecido antes de ir para o Atlético, e por alguma razão não veio, ele até vinha – revelou Montenegro ao Canal do Nicola.

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do Nicola