Apesar de longe, Botafogo e Henrique Almeida discutem acordo para resolver o imbróglio jurídico entre ambos. Anunciado pelo Grêmio, o atacante acenou com a possibilidade de abrir mão de receber o que o Alvinegro lhe deve, mas as negociações não avançaram. O Botafogo confirmou ter recebido uma proposta.

– Eles nos procuraram com uma proposta. Estamos analisando. Possivelmente faremos uma contraproposta. Mas para isso o Henrique teria de renunciar a tutela, restabelecendo o vínculo com o Botafogo – disse o vice-presidente jurídico do Botafogo, Domingos Fleury.

André Ribeiro, advogado de Henrique, admite a possibilidade de haver um acordo para que o jogador fique livre e possa entrar em campo pelo Grêmio sem qualquer risco de haver uma reviravolta na Justiça. O Botafogo tenta cassar a liminar que desvinculou o atacante.

– O acordo sempre foi no sentido de buscar a rescisão de contrato, com o Henrique abrindo mão dos valores que têm a receber do Botafogo. Também avaliamos a manutenção do vinculo, desde que o Henrique fosse emprestado. Mas nunca houve nada concreto ou algo definitivo. Nesse momento, qualquer acordo depende do Grêmio. Estávamos falando sobre um acordo há algum tempo. Sempre fomos solícitos a conversar com o Botafogo. Não queremos causar qualquer prejuízo maior – disse o advogado.

Fonte: Globoesporte.com