A renda que o Botafogo terá logo mais com bilheteria no jogo contra o Barcelona-EQU não sofrerá penhoras. Segundo o Globoesporte.com, o clube fez um acordo com o empresário Eduardo Uram e vai parcelar uma dívida de aproximadamente R$ 3 milhões em 24 parcelas, começando a pagar somente em 2018.

Por conta dessa dívida, o Botafogo chegou a ter penhorado R$ 400 mil da bilheteria contra o Colo-Colo. O débito com Uram era referente a transações de três jogadores em gestões passadas do clube, o que pegou a atual diretoria de surpresa.

Fonte: Globoesporte.com