O Botafogo vive dias de tormenta. O clube carioca, que foi rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, vive um drama financeiro fora dos gramados. Com bens bloqueados, jogadores estão acionando o Glorioso na justiça por conta de salários atrasados. Com isso, o novo planejamento já efetivou um novo teto salarial para novos reforços: R$ 50 mil.

Porém, entre os jogadores do atual elenco, existe uma prioridade complementada com uma exceção. A diretoria se empenhou em dizer que fará de tudo para manter o goleiro Jefferson para a próxima temporada.

Para que isso ocorra, os dirigentes estudam um plano de marketing envolvendo o nome do atleta, que começará a ser estudado durante uma reunião na próxima segunda-feira.

Fonte: FutNet