Botafogo pede paciência com gringos que ainda não brilharam: ‘Serão úteis’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Duas das principais contratações do Botafogo para esta temporada não emplacaram e, com isso, o clube acabou vendo as receitas investidas nos meias argentinos Gervásio Núñez e Damián Lizio, este naturalizado boliviano, serem mal utilizadas. Os dois jogadores chegaram a General Severiano com a torcida depositando neles as esperanças de uma grande temporada, mas até agora, pouco corresponderam. No entanto, os estrangeiros contam com o respaldo de Ricardo Gomes.

“São dois jogadores importantes, de qualidade, mas que ainda não conseguiram se adaptar tão bem ao futebol brasileiro. Lembro que o Conca quando chegou ao Vasco teve dificuldade de adaptação. Eles serão utilizados, não neste Campeonato Carioca, mas ainda serão muito úteis na temporada”, disse o treinador.

Gervásio chegou a ter um bom começo de trabalho e marcou gols importantes, como o primeiro do time na temporada, na vitória de 2 a 0 sobre o Bangu. Lizio também estreou com gol, o da vitória de 2 a 1 sobre a Portuguesa, na segunda rodada da primeira fase do Campeonato Carioca. Porém, com o tempo, eles foram perdendo espaço, a titularidade e, em algumas ocasiões, sequer foram relacionados.

Apesar dessa situação e da pressão de alguns conselheiros que defendem a dispensa para abrir receita para futuras transações, o departamento de futebol ainda vai apostar em ambos.

Acostumado ao futebol da Bolívia, onde defende inclusive a seleção nacional, Lizio vem fazendo trabalhos especiais para se adaptar ao ritmo de jogo do futebol brasileiro. Núñez, por sua vez, é mais exigido nas atividades. Os dois, porém, parecem contar com a confiança do técnico Ricardo Gomes, que é contra a dispensa.

O treinador do time de General Severiano preferiu evita as comparações dos atletas com outro argentino do elenco, o zagueiro Joel Carli, que hoje é considerado titular absoluto: “É diferente. A adaptação de zagueiro é mais fácil de ser feita”, explicou o comandante alvinegro.

Além dos argentinos, o Botafogo ainda conta com um quarto estrangeiro no elenco, que também virou titular. Trata-se do atacante uruguaio Juan Salgueiro, que pode ser utilizado na criação de jogadas do meio-de-campo.

Dentro de campo, o elenco realizou um treino leve na manhã desta sexta-feira e Ricardo Gomes não definiu a escalação para a partida de domingo, às 16h (de Brasília), quando o Glorioso encara o Boavista no  Estádio Eucy Resende, em Saquarema, pela última rodada da Taça Guanabara. Em terceiro lugar com 11 pontos, o Alvinegro está matematicamente garantido nas semifinais.

Notícias relacionadas