Na tarde desta sexta-feira, o executivo de futebol do Santa Cruz, Nei Pandolfo, em entrevista à imprensa no Arruda, confirmou o interesse do Botafogo no lateral-direito Warley. Dentre o Alvinegro carioca, o prata da casa, formado nas categorias de base do Tricolor, também havia recebido sondagens do Red Bull Bragantino e Bahia. No entanto, todas as negociações – inclusive a do time carioca – envolviam opções por empréstimo, e não por compra, o que é prioritário para o clube pernambucano, devido à folha enxuta.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo

“Não chegou direto a mim, provavelmente (chegou) ao presidente Tininho esse interesse do Botafogo. De início, não temos interesse de emprestar novamente o Warley para que ele se desenvolva e seja observado. Ele já foi observado e foi muito bem. Principalmente contra os times do Rio (de Janeiro), o pessoal assistiu contra o Flamengo. Então, têm interesse no atleta”, explicou.

“A ideia do clube é fazer um envolvimento financeiro, essa é a ideia principal, ter retorno financeiro de imediato ou então ter ganho técnico de usar o atleta aqui. Sempre preservando o atleta. Ele fica de férias até o dia 6, e semana que vem se apresenta normalmente para iniciar os trabalhos. Houve interesse, outros clubes tiveram interesse também, mas para ser emprestado novamente. Mas sem custo, sem envolvimento financeiro, não é a ideia do clube hoje”, finalizou Pandolfo.

Na reapresentação do elenco do Santa Cruz na última quinta-feira, após as festividades do réveillon, Warley não apareceu no grupo. Ausência que gerou especulações, mas a assessoria do Tricolor esclareceu que o atleta vai voltar aos trabalhos na próxima quarta-feira, dia 8, depois de cumprir seu cronograma das férias.

Loja do FogãoNET por Estilo Piti | O Site oficial do torcedor do Botafogo

Com contrato até 2021, Warley subiu para o elenco profissional na temporada passada, em 2019. Disputou 10 partidas, mas não fez gols. Com a eliminação precoce do Tricolor na Série C, o lateral direito foi emprestado ao CSA, para disputar a reta final da Série A pelo time alagoano. Lá se destacou, jogando 13 partidas. No entanto

Após a eliminação precoce da equipe pernambucana na Série C, Warley foi transferido para o CSA já na reta final da Série A, onde se destacou, disputando 13 partidas. No entanto, com o rebaixamento à Série B e o anúncio do novo técnico, Maurício Barbieri, para a disputa da temporada de 2020, o time alagoano optou por não exercer o direito de compra do jogador.

Em uma possível negociação com o CSA, o Santa Cruz estipulou de R$ 850 mil a R$ 1,5 milhão o valor do jogador, com a garantia de ficar com um ativo de 50% dos direitos econômicos do atleta.

Fonte: Superesportes