Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Com indefinição do Botafogo, Santa Cruz estuda levar pagamento por João Paulo à Justiça

46 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

João Paulo, ex-Botafogo, jogador do Seattle Sounders
Divulgação/MLS

Neste início de 2021, um bom alento para as contas do Santa Cruz foi a venda do meia João Paulo, que trocou o Botafogo pelo Seattle Sounders, dos Estados Unidos. Com 40% do passe do atleta, o Tricolor desembolsa um valor orçado em mais de R$ 2 milhões, mas, na atual situação que vive o Botafogo, por quem esse dinheiro tem que passar como parte do processo, os corais não sentem segurança no repasse, já vislumbrando a possibilidade de acionamento judicial, como contou o vice-presidente Tonico Araújo, à Rádio Clube.

(Se não pagar), a gente vai entrar na Justiça, é o que a gente pode fazer. O Botafogo está em situação delicadíssima. Há uns três meses, o salário dos atletas estava atrasado desde abril. Então, eu tive uma conversa com o presidente da comissão fiscal do Botafogo, ele disse que a situação é dramática“, afirmou o dirigente, que lamentou o momento vivido pela Estrela Solitária.

Questionado sobre a possibilidade do Santa receber diretamente este dinheiro, Tonico foi direto. “É obrigatório passar pelo Botafogo, e o Santa Cruz vai tomar as providências. Eu não vou falar muita coisa, mas as medidas serão tomadas“.

Sem saber a situação do pagamento por parte do time da MLS, Tonico reafirmou o acompanhamento do Santa sobre o caso. “Não posso julgar (se o Botafogo já recebeu), mas a gente está cuidando da parte que se pode”.

Fonte: Diário de Pernambuco e Rádio Clube

Notícias relacionadas
Comentários