Com a maior torcida do Brasil, o Flamengo atingiu a marca de 70.146 mil sócios-torcedores nesta segunda-feira. O número foi divulgado pelo “Torcedômetro”, o ranking nacional do Movimento por um Futebol Melhor. O Rubro-negro ocupa a sétima posição e está no encalço do Cruzeiro, o sexto colocado, que tem 71.832 sócios-torcedores.

Entre os clubes cariocas, o Fluminense é o décimo, com 34.095; o Vasco ocupa a 13ª posição, com 17.138, enquanto o Botafogo está em 15º, com 14.273. A liderança ainda é do Internacional, case de sucesso no Brasil com o programa de sócios, que tem atualmente 147.069 mil associados no seu quadro. Em segundo aparece o Palmeiras, com 129.493, seguido do Corinthians (111.466), Grêmio (84.879) e São Paulo (75.637).

Em oito meses, o Flamengo já acumula um aumento de 17.935 associados. É quase a soma do total de crescimento dos três rivais cariocas juntos. Fluminense, Botafogo e Vasco ganharam até agora 18.560 sócios-torcedores. Segundo os dados do “Torcedômetro”, a chegada de Paolo Guerrero aumentou o número de torcedores que se associaram ao clube. Em junho, o time tinha 54 mil sócios, mas em menos de três meses, aumentou em mais 16 mil o número de rubro-negros no quadro social.

No ranking da temporada, o Rubro-negro aparece em sexto até o momento, com o Palmeiras liderando com mais de 65 mil sócios-torcedores.

Veja os dez maiores crescimentos no ano:

1) Palmeiras – 65.042

2) Corinthians – 44.792

3) São Paulo – 37.657

4) Internacional – 19.535

5) Sport – 18.200

6) Flamengo – 17.935

7) Fluminense – 10.729

8) Atlético-MG – 8.800

9) Ponte Preta – 8.479

10) Botafogo – 5.803

Fonte: Extra Online