Uma derrota, dois empates, três bobeiras. Foi esse o retrospecto do Botafogo no primeiro turno do Campeonato Brasileiro contra Santos, Coritiba e Vitória. Agora, no returno, o Alvinegro terá a chance de compensar as distrações do primeiro turno para conseguir uma boa colocação no Brasileiro e tentar se manter na zona de classificação para a Libertadores. O primeiro adversário é o Santos, neste sábado.

Se tivesse levado cinco pontos em vez de um nessa sequência de três jogos, o Botafogo estaria no G-4, zona de classificação direta para a fase de grupos da Libertadores. Nas próximas partidas, o Alvinegro pode poupar, mas jogará contra uma equipe que, embora bem colocada no campeonato, também deve atuar com reservas, enquanto os demais adversários lutam contra o rebaixamento.

No jogo contra o Santos, sábado que vem, no Estádio Nilton Santos, ambos os times devem utilizar equipes reservas tendo em vista os jogos de volta na Copa Libertadores. No primeiro turno, o Botafogo foi com um time predominantemente titular. Um dos reservas, no entanto, entregou o ouro: enquanto o jogo estava empatado em 0 a 0 e o Botafogo levava um ponto importante para casa, Helton Leite falou em cobrança de falta de Victor Ferraz aos 50 minutos do segundo tempo e deu a vitória à equipe paulista.

Na partida contra o Coritiba, em casa, o Botafogo cedeu dois pênaltis ao adversário e precisou correr atrás do prejuízo duas vezes para conseguir um empate. Por estar jogando em casa, com o time titular e contra um adversário que hoje está brigando contra o rebaixamento, era uma partida que o Alvinegro poderia ganhar.

Contra o Vitória, o Alvinegro perdeu dois pontos que estavam na sua mão. Após abrir 2 a 0 no primeiro tempo, com dois gols de Bruno Silva, o Vitória empatou na etapa final com Cleiton Xavier e Kieza.

Os três jogos em questão

Santos 1 x 0 Botafogo – 07/06

Botafogo 2 x 2 Coritiba – 11/06

Vitória 2 x 0 Botafogo – 14/06

Fonte: Extra Online