Em um confronto direto por vaga na Copa Sul-Americana, o Botafogo visita o Atlético-MG nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG). A partida é válida pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Embalado pelo triunfo de 2 a 1 sobre o Corinthians, o Galo soma 45 pontos, três a mais que o Glorioso, que pretende se recuperar da derrota de 1 a 0 para o Internacional no Rio de Janeiro.

Alberto Valentim, treinador do Botafogo, quer ver sua equipe lidando com uma possível pressão do Galo.

“Nós sabemos que, jogando em casa, o Atlético Mineiro vai querer tomar a iniciativa do confronto e procurar se impor contra a nossa equipe. O Botafogo vai precisar de muita inteligência para saber lidar com este tipo de situação. Vamos precisar neutralizar os pontos fortes deles, mas sem abrir mão do direito de buscar o nosso gol”, disse o treinador, que vem sendo criticado pela postura defensiva do time.

A pressão esperada por Alberto Valentim deve se concretizar se os anfitriões seguirem as determinações do técnico Adilson Batista, que cobra ousadia.

“Nós temos um compromisso, como funcionários do Atlético Mineiro, de buscar os seis pontos nos dois jogos que nos restam nesta temporada. Se livramos o time do risco de rebaixamento, agora precisamos fazer o Atlético Mineiro terminar a competição com a maior pontuação possível, pois a dignidade de todas está em campo. Não vamos decepcionar os nossos torcedores”, analisou o treinador do Galo.

Em termos de escalação, o Atlético-MG terá o retorno do goleiro Victor, recuperado de lesão no joelho esquerdo e que vai reaparecer após quatro meses afastado do time mineiro. Assim, Cleiton fica como opção no banco de reservas.

Pelo lado do Botafogo, o volante Alex Santana, advertido com o terceiro cartão amarelo, fica de fora. Assim, sua vaga será disputada por Jean, o que tornaria o time mais defensivo, e pelo chileno Leonardo Valencia. O zagueiro Gabriel, que já não enfrentou o Inter, segue de fora, pois tem vínculo contratual com o clube mineiro. Assim, a zaga carioca será composta por Joel Carli e Marcelo Benevenuto.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), e, naquela ocasião, o Botafogo ganhou por 2 a 1. Diego Souza e Alex Santana anotaram os gols do Glorioso, com Di Santo descontando para os mineiros.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG X BOTAFOGO-RJ

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Data: 4 de dezembro de 2019 (Quarta-feira)

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Jose Eduardo Calza (RS) e Jorge Eduardo Bernardi (RS)

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Jair, José Welison, Luan, Juan Cazares e Marquinhos; Di Santo

Técnico: Vagner Mancini

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Fernando, Joel Carli, Marcelo Benevenuto e Yuri; Cícero, João Paulo, Leonardo Valencia (Jean) e Luiz Fernando; Rhuan e Diego Souza

Técnico: Alberto Valentim

Fonte: Gazeta Esportiva