A 29ª rodada do Campeonato Brasileiro terminou na quinta-feira, e as chances de título, de classificação à Copa Libertadores e os riscos de rebaixamento modificaram para algumas equipes. A começar pelo Fluminense, que entrou na zona da degola após a vitória do Cruzeiro sobre o Botafogo por 2 a 0. Agora em 17º lugar, o Tricolor carioca tem 56% de risco de queda, segundo o matemático Tristão Garcia do site “Infobola”.

O Botafogo, aliás, ainda parece 15% de probabilidade de cair, enquanto o Vasco segue com 2%. Já os quatro times que estão na zona de degola, O Avaí e a Chapecoense aparecem com 99% de risco, enquanto o CSA está com 66%.

Risco de rebaixamento no Brasileirão
Risco de rebaixamento no Brasileirão Foto: Reprodução / Infobola

Chance de título

Com o empate em 2 a 2 com o Goiás, o líder Flamengo viu a distância para o vice-líder Palmeiras cair de 10 para 8 pontos. Mesmo assim, o Rubro-Negro ainda está mais próximo de levantar o caneco de 2019, mas viu a chance de título diminuir de 96 para 93%, segundo Tristão Garcia.

O Alviverde paulista ainda nutre 6% de esperança de vencer, enquanto o Santos aparece com 1%.

Chance de título do Brasileirão
Chance de título do Brasileirão Foto: Reprodução / Infobola

Chance de Libertadores

Assim como no rebaixamento, a briga por uma vaga na Copa Libertadores 2019 segue alta. De todos os times candidatos, só o Grêmio venceu, subiu para o quinto lugar e aumentou para 37% a chance de se classificar.

O líder Flamengo e o vice-líder Palmeiras estão praticamente classificados, com 99% de probabilidade, enquanto o Santos tem 97%. O São Paulo aparece com 40%, o Internacional tem 18%, o Corinthians com 8%, enquanto Bahia e Goiás surgem com 1% cada.

Lembrando que o Athletico Paranaense já está classificado por ter conquistado a Copa do Brasil.

Chance de classificação à Libertadores
Chance de classificação à Libertadores

 

Fonte: Extra Online