Cabofriense fará proposta oficial por El Loco Abreu na segunda, diz presidente

Compartilhe:

A Cabofriense está mesmo disposta a contar com Loco Abreu em 2014. Após o vazamento das informações de bastidores de que o clube teria procurado o jogador, agora foi a vez do presidente do clube, Valdemir Mendes, se pronunciar sobre o caso. O mandatário do Tricolor Praiano confirmou o desejo de contratar o uruguaio e adiantou que vai apresentar uma proposta oficial ao procurador do atacante no Brasil.

– Sim, vamos apresentar uma proposta ao Alexandre Almeida para enviar ao jogador na segunda-feira. Este é um assunto que estamos tratando dentro do clube há algum tempo. Estamos agora somente viabilizando um parceiro para saber quanto poderemos oferecer – revelou o presidente.

O dirigente não adiantou os valores que a Cabofriense estaria disposta a pagar. No entanto, uma fonte do GloboEsporte.com dentro do clube informou que a proposta salarial do Tricolor Praiano para Loco Abreu vai girar em torno de R$ 100 mil por mês. O tempo de contrato seria para a disputa do Campeonato Carioca. O clube conta com o apoio da Prefeitura de Cabo Frio. O prefeito da cidade, Alair Corrêa, é um grande entusiasta da equipe, inclusive sendo figura fácil nos jogos do clube, que acontecem no estádio que leva o seu nome.

– Neste momento eu prefiro não falar em valores. Vamos abrir primeiro a negociação e depois não tem problema nenhum em informar ao torcedor os valores da negociação. Ainda estamos na dependência de um parceiro, por isso a cautela – disse.

Loco Abreu no treino do Botafogo (Foto: Marcos Trisão / Ag. O Globo)
Loco Abreu passou três temporadas no Botafogo (Foto: Marcos Trisão / Ag. O Globo)

Loco Abreu não fecha porta

Apesar de negar que esteja negociando por enquanto com a Cabofriense, Loco Abreu não descartou qualquer possibilidade de futuro. Em entrevista ao GloboEsporte.com, por telefone, na última quarta-feira, o atacante uruguaio afirmou que não pode fechar portas.

– Minha intenção sempre é jogar em um time bom e competitivo para me manter em condições de ser convocado para a seleção. Por outro lado, também não posso fechar portas e descartar oportunidades. Sabemos como o mundo do futebol é rápido – despistou.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários