A dobradinha entre Luís Henrique e Bruno Nazário, já nos minutos finais, deu a vitória para o Botafogo sobre o Boavista, no último domingo, pelo Campeonato Carioca. Além dos dois, contudo, outro jogador teve participação importante na jogada do gol marcado pelo meia: Caio Alexandre, com um passe de três dedos que possibilitou a assistência. Após a partida, o jovem comentou sobre o duelo.

– O meio-campo estava muito congestionado. Quando entrei, o professor (Paulo Autuori) pediu para dar mais dinâmica, buscar inversões de jogo, que eu tenho feito bem nos treinamentos e fui feliz de achar o Luís Henrique para ele dar a assistência para o Bruno Nazário e a gente sair com a vitória. Foi de suma importância, mas agora já temos um confronto muito difícil no sábado e vamos trabalhar em busca dessa vitória – afirmou.

Reserva, Caio Alexandre entrou em campo aos 38 minutos do segundo tempo e, mesmo com pouco tempo, participou diretamente da construção do gol da vitória, ganhando pontos com Autuori. De fora, o meio-campista deu sua visão da partida.

– Tivemos mais o domínio da partida no primeiro tempo, a gente teve até chances de matar o jogo, mas infelizmente não fomos felizes nas conclusões das jogadas, o professor falou isso no intervalo e pediu mais atenção. Infelizmente tomamos o gol, mas, como falei aqui, foi difícil, o Boavista é uma boa equipe, a gente conseguiu achar o segundo gol e foi feliz – analisou.

Fora das semifinais da Taça Guanabara, o Botafogo estreou no segundo turno com o pé direito. Em uma parte do campeonato com confrontos diretos, o atleta valorizou ainda mais o resultado positivo.

– É sempre importante estar somando pontos, ainda mais que na Taça Rio você enfrenta os times do próprio grupo. Ganhar do Boavista, que é um confronto direto, é de suma importância. Vamos nos dedicar para sair com a vitória também do Maracanã (contra o Flamengo) – ponderou.

A próxima equipe no radar do Botafogo é o Flamengo. O clássico será disputado no próximo sábado, às 19h, no Maracanã. Caio Alexandre reconhece que o Rubro-Negro possui uma grande equipe, mas não coloca o Alvinegro como carta fora do baralho.

– Eles têm uma grande equipe, como nós também temos. Temos que estudá-los bem durante a semana porque vai ser um grande jogo. A gente está preparado tanto nos treinamentos quanto nos vídeos que o professor mostra para a gente – finalizou.

Fonte: Terra