Camacho mira vaga de Fernandes e título: ‘Todos querem ser campeões aqui’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Com a lesão do volante Fernandes, o técnico Ricardo Gomes terá que escolher um substituto para o time titular. Guilherme Camacho está na briga para ser o substituto. O atleta elogiou a fase que o campanheiro vinha vivendo e agora que surgiu a oportunidade, pretende agarrar a vaga.

“Fernandes vinha num excelente momento. Agora tem uma brecha na equipe, vou lutar por ela”.

Camacho foi justamente o escolhido para entrar no lugar de Fernandes, quando o jogador saiu machucado no primeiro tempo da partida contra o Sampaio Corrêa. O atleta disse que sua posição preferida é como segundo ou terceiro volante, como jogou na partida contra o time maranhense.

“Quando entrei (contra o Sampaio Corrêa), o Ricardo Gomes pediu que eu jogasse como terceiro homem do meio campo, no lugar do Fernandes. Depois, porém, joguei como segundo volante, com o Arão mais avançado”, porém, o volante diz que se precisar, atua como primeiro cabeça de área.

O Botafogo garante o acesso à Série A com mais três vitórias. Camacho garante que mesmo se o Glorioso conquistar a vaga antecipadamente, os jogadores continuarão com o mesmo empenho, até para que possam permanecer no clube em 2016.

“Todo mundo tem que mostrar serviço até o final. Ninguém vai tirar o pé, mesmo que suba antecipadamente, para poder permanecer no clube”.

Camacho garante que o grupo está totalmente focado nessas três vitórias, apesar das dificuldades dos jogos finais.

“Estamos focados. Sabemos que a tabela fica um pouco mais difícil agora. Tivemos um pouco mais dificuldade nesta parte da tabela no primeiro turno. Todos estão pensando nas três vitórias para subir”.

Desde o início da temporada, todos no Botafogo falavam que o principal objetivo era o retorno à elite do futebol brasileiro. Camacho afirma que além de subir, todos querem levantar a taça da Série B.

“O primeiro objetivo é subir, mas é claro que todos querem ser campeões aqui no Botafogo”.

Devido aos jogos da Seleção Brasileira, o Glorioso fica 10 dias sem jogos, só voltando a campo no dia 17/10, contra o Bragantino, às 16h, no Estádio Nilton Santos.

Notícias relacionadas