Chegar em um clube e citar os ídolos do passado não é novidade. Principalmente no Botafogo, que possui uma extensa galeria de heróis. Mas o lateral-esquerdo Tiago Carleto foi além. Em sua apresentação no clube, nesta quarta, ele não só citou como afirmou ter a pretensão de se tonar o “novo Nilton Santos”.

– O meu objetivo é fazer história aqui. Tenho um ano de contato, mas quem sabe não fique mais? Não seja um novo Nilton Santos? Ou pelo menos não um novo mas ser mais próximo do que ele foi – disse o jogador, que acredita carregar uma responsabilidade maior do que os outros companheiros por vestir a mesma camisa que a “Enciclopédia”:

– Expectativa eu procuro deixar para o torcedor. Eu vou procurar trabalhar dentro de campo. Eu sei da responsabilidade que essa camisa 6 tem. Pelo grande jogador que fez historia aqui, a minha responsabilidade vai ser maior.

Carleto já vem treinando no Botafogo desde o início da temporada, mas só assinou contrato nesta terça-feira. Ele acredita que na estreia do time no Estadual, sábado, contra o Boavista, a equipe ainda terá problemas de entrosamento, devido a quantidade de novos jogadores, um problema que não deve durar por muitas rodadas.

– Foram duas semanas de pré-temporada muito boas. Deu para a gente se conhecer. A evolução técnica é normal. Tem os amistosos, torneio de verão e você vê que o entrosamento é a maior dificuldade de todas as equipes nesse começo. Só que ele só vai ocorrer durante os jogos. Você pode treinar e treinar, mas só com os jogos que o entrosamento vai vir. E a gente espera que venha o quanto antes porque o Botafogo precisa de resultados.

Fonte: Extra Online